Billboard Ads




O sistema da Justiça Eleitoral pode ter sido invadido por hackers no período pré-eleitoral. Segundo o Jota, dados sigilosos do TSE podem ter sido obtidos por estes criminosos. 

Os invasores teriam entrado de maneira remota em equipamentos ligados à rede do TSE e tido acesso, entre outras informações, a documentos sigilosos e ao login do ministro substituto Sérgio Banhos e do chefe da tecnologia da informação do TSE, responsável pelas urnas eletrônicas, Giuseppe Janino.

A Corte estuda se irá instaurar um processo administrativo disciplinar para apurar se houve o vazamento de alguma informação ou se algum profissional da Corte falhou no sistema de segurança.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias para compartilhar.
Por