Billboard Ads



Dr. Rey visita o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, para se oferecer ao Ministério da Saúde Foto: Folhapress/Filipe Cordon

Nesta sexta-feira (9), o cirurgião-plástico mundialmente conhecido Robert Rey, o Dr. Rey, apareceu na frente do condomínio do presidente eleito Jair Bolsonaro, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. Aos jornalistas presentes no local, revelou que estava lá para pedir um ministério.


– Talvez me cogitam para ministro da Saúde. Conheço os sistemas de primeiro mundo – afirmou.

Ao ser perguntado se a reunião estava marcada e se o presidente eleito fez um convite formal, respondeu que não. Em seguida, disse que seria “uma boa oportunidade” para o futuro governo.

– Não… Estávamos no mesmo partido, lembra? No PSC. E éramos amigos, somos amigos. Eu só espero que eles me cogitem para ministro da Saúde. Nós éramos amigos no PSC. Talvez ele dê na minha cara, não tem problema. Mas é uma oportunidade para eles, eu sou treinado lá fora… Bom, talvez nem abram a porta gente. Mas eu amo o Brasil – respondeu a jornalistas.

Dr. Rey também chegou a falar sobre propostas que tem para a pasta.

– Eu quero que todo o brasileiro tenha seguro-privado. O que acontece no SUS. Eventualmente eu quero fechar o sistema público de saúde. Não é loucura, gente, assim é nos Estados Unidos. E eu quero trazer esse sistema para o Brasil – declarou.
Por