Bolsonaro pode revogar a PEC da Bengala e indicar quatro ministros do STF - Jornal Brasil 316

Bolsonaro pode revogar a PEC da Bengala e indicar quatro ministros do STF

terça-feira, 20 de novembro de 2018


Deputados do PSL, legenda do presidente eleito Jair Bolsonaro querem revogar a PEC da Bengala e proporcionar a indicação de quatro ministros do Supremo Tribunal Federal.

CONTINUAR DEPOIS DA PUBLICIDADE


A Proposta de Emenda à Constituição da Bengala é a que aumentou de 70 para 75 anos a idade da aposentadoria compulsória dos ministros da Suprema Corte. 


A ideia é aprovar, já no início da legislatura, uma PEC voltando a fixar em 70 anos a idade para aposentadoria de ministros de tribunais superiores. 
CONTINUAR DEPOIS DA PUBLICIDADE


Caso realize a medida, Bolsonaro ampliaria sua influência no STF, conseguindo nomear quatro dos 11 membros da corte, e não apenas dois, como previsto.

Os ministros Celso de Mello e Marco Aurélio terão que deixar o Supremo em 2020 e 2021, respectivamente. Se a idade limite voltasse a ser de 70 anos, os dois, mais Ricardo Lewandowski e Rosa Weber, seriam imediatamente aposentados.

CONTINUAR DEPOIS DA PUBLICIDADE

Se isso acontecer, poderemos ver no STF, ainda no mandato de Bolsonaro, nomes como Sérgio Moro, Marcelo Bretas, João Pedro Gebran Neto e Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz.

O Brasil voltará a sentir orgulho do STF.

LEIA URGENTE

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial


ÚLTIMAS BOMBAS



     
    Copyright © 2015. Jornal Brasil 316.
    Design by Herdiansyah Hamzah. Published by Mais Template.