Saiba o que acontece ao votar duas vezes no mesmo candidato ao senado

sábado, 6 de outubro de 2018


No próximo domingo (7), a população poderá escolher os nomes de dois representantes para o Senado Federal, que terão mandato de 2019 a 2027. A cada eleição, realizada de quatro em quatro anos, a Casa renova, alternadamente, um terço e dois terços de suas 81 cadeiras. Neste ano, estão em disputa 54 vagas.

O eleitor deverá atender a uma ordem de votação na urna eletrônica. Primeiro para deputado federal, depois para deputado estadual ou distrital.

Em seguida, deverão ser escolhidos os dois senadores. A ordem do voto não coloca o primeiro candidato em prioridade — os dois têm o mesmo peso. Além disso, não é possível votar duas vezes no mesmo candidato, conforme determina a Justiça Eleitoral. Em caso de repetição, o segundo voto é automaticamente anulado.

Depois, o eleitor deverá votar para governador e encerrará sua participação escolhendo um candidato a presidente.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial


ÚLTIMAS BOMBAS



     
    Copyright © 2015. Jornal Brasil 316 .
    .