Delegado que comanda as investigações sobre atentado contra Bolsonaro foi assessor de Fernando Pimentel do PT

segunda-feira, 24 de setembro de 2018


O delegado Rodrigo Morais Fernandes, que comanda as investigações do atentado que Adélio Bispo de Oliveira cometeu contra Jair Bolsonaro, chefiou por dois anos a Assessoria de Integração das Inteligências da Secretaria de Defesa Social (Segurança Pública) do governo de Fernando Pimentel.A revelação é de Cláudio Dantas de O Antagonista. 

Há dois anos, Rodrigo Morais Fernandes se tornou alvo da imprensa ao ser enviado por Pimentel para assistir ao Super Bowl, na Califórnia (EUA). 

Como argumentação, o governo alegou que Fernandes coordenava em Minas Gerais a comissão das Olimpíadas Rio-2016.

O delegado também foi por alguns meses diretor de Inteligência da Secretaria Extraordinária para Grandes Eventos, criada no governo Dilma. 

E mais: Há três meses, Morais foi condecorado por Pimentel com a Medalha Alferes Tiradentes.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial


ÚLTIMAS BOMBAS



     
    Copyright © 2015. Jornal Brasil 316 .
    .